Trabalhando por uma nova cultura de Sustentabilidade

Conselho Consultivo

CEBoPS 
Compromisso Empresarial pelas Boas Práticas Socioambientais 

CONSELHO CONSULTIVO

Especialistas e personalidades com histórico, atuação e reconhecimento nacional e internacional para orientação e colaboração das atividades programadas para o calendário CEBoPS 2011

Alberto Augusto Perazzo, Presidente do Conselho de Curadores da FIDES – Fundação Instituto de Desenvolvimento Empresarial e Social

Assim como todos temos uma hipotéca social a  saldar, considerando a pobreza e a exclusão de grandes parcelas da população mundial, também temos uma enorme divida a pagar com o meio ambiente, temos que encontrar neste ultimo desafio uma boa parcela da solução do primeiro.                                          

André Cezar Medici, Especialista Senior em Saúde e Desenvolvimento Social do Banco Mundial em Washington (DC).

O enfrentamento dos desafios ambientais exige uma nova ética de produção e consumo. 

A época dos projetos e sucessos individuais acabou. Nosso futuro sustentável somente será alcançado a partir de compromissos coletivos e resultados compartilhados.

Eliane Pinheiro Belfort Mattos, Diretora Titular do Comitê de Responsabilidade Social da FIESP e membro do Conselho Permanente de Responsabilidade Social da CNI – Confederação Nacional das Industrias

Todos os esforços são necessários para a formação de massa crítica e conscientização da sociedade de que a preservação da espécie humana depende de uma vida sustentável hoje. Neste contexto, a iniciativa do CEBoPs é fundamental para esta construção. Não se trata de defender o planeta e seu meio ambiente, e sim, a preservação da espécie humana.

Elimar Pinheiro Nascimento, Diretor do Centro de Desenvolvimento Sustentável da UnB-Brasília

A crise financeira internacional  é uma excelente oportunidade de repensarmos o desenvolvimento. 

Agora, não mais de forma unidimensional, considerando apenas a economia, o crescimento econômico, mas de forma multidimensional, tomando em consideração a conversação ambiental e a equidade social.

 

Everaldo Vanzo, Foi Presidente da Agência da Bacia Hidrográfica do Alto Tietê (2008/2009), e atual Presidente da Concessionária das Águas do Amazonas

Soa dissonante falar em Estado Republicano e inexistência de boas práticas estimuladas por ele  através de financiamentos inteligentes e politicas publicas efetivas que garantam a universalização dos serviços de saneamento ambiental de modo que os benefício da saúde pública e do ambiente ecologicamente equilbrado abarquem as atuais e  futuras gerações

Mauro Meirelles, Representante brasileiro junto ao Secretariado da UNFCCC, como especialista em revisão de inventários dos países Anexo I e junto ao IPCC, como autor-líder, no setor de emissões industriais

O conhecimento que já temos hoje sobre a Natureza nos torna responsáveis pelo cuidado que devemos ter sobre nossas ações no dia-a-dia, para garantirmos a nossos filhos e filhas, bem como a toda descendência deles, um patrimônio natural semelhante ao que recebemos. 

Tenhamos sempre a disposição de reduzir nossos impactos sobre o meio ambiente, para que haja tempo de Gaia se recompor.

 

Foi Presidente da Universidade da Água (2000/2007), e atual Secretário Municipal de Participação e Parceria de São Paulo.

É preciso pensar globalmente e agir localmente, e essa ação só será possível se houver a parceria dos 3 setores da sociedade: Governo, Iniciativa Privada e Terceiro Setor.